Saiba tudo sobre o Cânion Sussuapara – Jalapão – Tocantins

Saiba tudo sobre o Cânion Sussuapara – Jalapão – Tocantins

postado em: Aventuras, Outdoor, Trips | 0

Dando continuidade a série de post sobre o Jalapão, Cânion Sussuapara no Jalapão - Tocantins.

O Cânion Sussuapara no Jalapão é uma pequena ravina esculpida pela atividade erosiva de um pequeno curso d'água. Localizado as margens da estrada que liga Ponte Alta a Mateiros é um atrativo bem peculiar, com características únicas e que merece a visita.

Canion Sussuapara
Canion Sussuapara

 

Como chegar no Cânion Sussuapara no Jalapão?

O Cânion Sussuapara está localizado a aproximadamente 15 km da cidade de Ponte Alta - TO. Para chegar lá você deve deixar a cidade de Ponte Alta seguindo na direção leste. O mesmo caminho que liga a Mateiros - TO. Logo ao sair da cidade já começa o trecho de estrada de terra. Bem no início duas grandes subidas dão as boas vindas para os que se aventura.

Após cerca de 15 km encarando as subidas, costelas de vaca e tendo o primeiro contato com as dificuldades dos caminhos do Jalapão chegamos ao Cânion Sussuapara.

A entrada do Cânion está a cerca de 100 metros da estrada. Uma trilha simples, fácil e sem dificuldades técnicas que segue um traçado óbvio conduzindo para a pequena ravina.

 Quanto Custa visitar o Cânion Sussuapara?

O Cânion Sussuapara no Jalapão é uma atração gratuita.

 

Nossa Experiência visitando o Cânion Sussuapara no Jalapão

Estávamos viajando pelo Jalapão no estilo bikepacking e encontrar curso d'água era sinônimo de muita alegria. 

Uma característica das águas do jalapão é ter uma temperatura convidativa ao banho. Diferente das cachoeiras do Rio e de Minas, que estamos acostumados a visitar, onde a água costuma ser bem fria. Porém, quando a viagem é de bike, os pontos de água são onde reabastecemos as garrafas e mochilas de hidratação e com a água quente, em poucos minutos nossa água parece chá.

O Cânion Sussuapara é um dos lugares onde encontramos a água mais fresca. E no dia que visitamos, especificamente, eu estava bem mal. Por ter tido problemas gastro-intestinais estava bastante desidratado e ficar meia hora deitado na água geladinha do Cânion foi bastante reconfortante. Enquanto a Bia e o Lion faziam imagens e brincavam com as águas do Cânion só relaxei e cheguei a cochilar.

Canion Sussuapara
Canion Sussuapara - Edinho se recuperando

 

Seguir Edinho Ramon:

Fundador

Fundador do Sua Casa é o Mundo. Apaixonado por viagens, atividades ao ar livre e esportes de aventura. Acredita que sonhar é importante e realizar sonhos é fundamental. Sua missão é inspirar compartilhando histórias, fotos e dicas úteis.

Deixe uma resposta