Saiba tudo sobre as Dunas do Jalapão – Tocantins

Saiba tudo sobre as Dunas do Jalapão – Tocantins

postado em: Aventuras, Outdoor, Trips | 0

Dando continuidade a série de post sobre o Jalapão, Dunas do Jalapão - Tocantins.

As Dunas do Jalapão são as dunas mais douradas que já conheci. O motivo disso se deve ao fato dela ser resultado de um processo erosivo da Serra do Espírito Santo. Assim, temos uma areia de pequeninas partículas de Arenito, resultado desse processo erosivo durante longos anos. Das dunas basta olhar para a Serra do Espírito Santo que fica fácil constatar essa erosão olhando as paredes recortadas pelos ventos e pelas chuvas.

dunas do jalapão
dunas do jalapão

 

Como chegar nas Dunas do Jalapão?

bar benita
Bar da Benita

As Dunas do Jalapão estão localizada no sopé da Serra do Espírito Santo. Distante, aproximadamente, 90 km da cidade de Ponte Alta - TO e 80 km da cidade de Mateiros - TO.

Para chegar lá a estrada não é fácil. Você deve deixar a cidade de Ponte Alta seguindo na direção leste. O mesmo caminho que liga a Mateiros - TO. Logo ao sair da cidade já começa o trecho de estrada de terra. Bem no início duas grandes subidas dão as boas vindas para os que se aventura.

Siga sempre em direção a Mateiros. Especial atenção deve ser dada próximo ao km 70, quando na bifurcação Cachoeira da Velha - Mateiros você deverá seguir para a direita.

subida serra muriçoca
Areia fina e fofa na Serra da Muriçoca

A estrada não é boa, possui muita areia, desde a bifurcação, passando pela Serra da Muriçoca, até as proximidades das Dunas. No caso de se aventurar com carro sem tração nas quatro rodas a possibilidade de ficar atolado a grande. 

Existem longas áreas onde não há sinal de celular e a quantidade de tráfego é muito pequena. Pedalamos durante todo o dia e vimos passar 3 carros e 2 motos.

Para identificar o acesso das Dunas você verá uma instalação do Parque Estadual do Jalapão à esquerda da estrada e o Bar da Dona Benita à direita.

Quanto Custa visitar as Dunas do Jalapão?

As dunas do Jalapão é uma atração gratuita porém, por fazer parte do Parque Estadual do Jalapão, o acesso é controlado.

 

Nossa Experiência visitando as Dunas do Jalapão

Como nossa trip pelo Jalapão foi no estilo bikepacking, gravando o filme documentário 500 Jalapão Bikepacking, tínhamos uma grande expectativa de chegar ao Bar da Benita.

Dona Benita é uma dessas lendas vivas do Jalapão. Chegou na região em 1996, estabelecendo algum tempo depois um bar à beira da estrada nas proximidades da entrada das dunas. Pessoa de energia contagiante e um alto astral energizante. Ela está presente na maioria esmagadora dos relatos sobre viagens pela região. 

A expectativa de conhecê-la era muito grande, mas para nossa surpresa quando chegamos ela não estava. Sua filha Cíntia Valéria, outra pessoa sensacional, nos recebeu explicando que a mãe estava ausente. Tinha ido comprar mantimentos em Mateiros no dia anterior e ainda não regressara. Nesse momento o tempo fechou e um temporal com raios e trovoadas acabou com a energia local. 

Como depois da tempestade sempre vem a bonança, a chuva passou, o céu começou a limpar, dona Benita chegou e arrumamos uma carona para evitar o areião de 5 km. Impossível de pedalar, fizemos o cadastro com o funcionário do Parque, caminhamos poucos metros e um casal de caminhonete nos fez evitar a caminhada. Em poucos minutos estávamos desfrutando de um verdadeiro Oásis. 

dunas do jalapão clovis cruvinel-1
Lagoa e Serra do Espírito Santo no caminho para as dunas. Foto: Clóvis Cruvinel
Seguir Edinho Ramon:

Fundador

Fundador do Sua Casa é o Mundo. Apaixonado por viagens, atividades ao ar livre e esportes de aventura. Acredita que sonhar é importante e realizar sonhos é fundamental. Sua missão é inspirar compartilhando histórias, fotos e dicas úteis.

Deixe uma resposta